sexta-feira, 22 de agosto de 2008

O mestre da propaganda

O senhor Rio é um mestre da propaganda. Ele, que tanto despreza os jornalistas e a comunicação social, resolveu-se a mudar a percepção da realidade, para ficar bem na fotografia. Para ficar muito bem e, pelo meio, arrecadar mais uns votositos que muita falta lhe vão fazer nas próximas eleições.

O exemplo está aqui em baixo, na revista de propaganda da Câmara Municipal do Porto, esse arauto da informação comprometida pago pelos contribuintes. Diz o senhor Rio que o Bairro do Cerco foi “alvo de profunda reabilitação, em 2002, por parte do actual executivo”. E que “mesmo com toda a requalificação feita, continua a ter problemas que urge resolver”.


Pois! Mas a “profunda reabilitação” surgiu com o anterior executivo do PS, e não com a actual coligação PSD/PP. O senhor Rio admitiu que houve um lapso nessa informação, mas só o disse aos jornalistas numa conferência de imprensa. Os senhores jornalistas guardaram para si a informação e não a divulgaram. E esqueceram-se que se uma mentira for repetida até à exaustão, torna-se numa verdade. Quem sabe disto é o senhor Rio, qual mestre da propaganda!
(clique na imagem para aumentar)
[ouvindo chameleon, headhunters, herbi hancock, 1973]

Sem comentários: